Olá

Bem vindo ao Coisas da Alma!

Despretensiosamente levando um pouco de espiritualidade ao mundo!

Conheça o http://aalmadascoisas-annapon.blogspot.com/, blog parceiro do Coisas da Alma.

sábado, 4 de junho de 2011

A Aura Humana









(do lat. aura – brisa, sopro)


Considerando-se toda célula em ação por unidade viva, qual motor microscópico, em conexão com a usina mental, é claramente compreensível que todas as agregações celulares emitam radiações e que essas radiações se articulem, através de sinergias funcionais, a se constituírem de recursos que podemos nomear por ‘tecidos de força”, em torno dos corpos que as exteriorizam.


Todos os seres vivos, por isso, dos mais rudimentares aos mais complexos se revestem de um “halo energético” que lhes corresponde à natureza.


No homem, contudo, semelhante projeção surge profundamente enriquecida e modificada pelos fatores do pensamento_contínuo que, em se ajustando às emanações do campo celular, lhe modelam, em derredor da personalidade, o conhecido corpo vital ou duplo etéreo de algumas escolas espiritualistas, duplicata mais ou menos radiante da criatura.


Nas reentrâncias e ligações sutis dessa túnica eletromagnética de que o homem se entraja, circula o pensamento, colorindo-a com as vibrações e imagens de que se constitui, ai exibindo, em primeira mão, as solicitações e os quadros que improvisa, antes de irradiá-los no rumo dos objetos e das metas que demanda.


Ai temos, nessa conjugação de forças físico-químicas e mentais, a aura humana, peculiar a cada indivíduo, interpenetrando-o, ao mesmo tempo que parece emergir dele, à maneira de campo ovóide, não obstante a feição irregular em que se configura, valendo por espelho sensível em que todos os estados da alma se estampam com sinais característicos e em que todas as idéias se evidenciam, plasmando telas vivas, quando perduram em vigor e semelhança como no cinematógrafo comum.


(Ver: Capacidade refletora do Perispírito)


Fotosfera_psíquica, entretecida em elementos dinâmicos, atende à cromática variada, segundo a onda mental que emitimos, retratando-nos todos os pensamentos em cores e imagens que nos respondem aos objetivos e escolhas, enobrecedores ou deprimentes.


[56 - página 127] - André Luiz




RESUMO


Todas as agregações celulares emitem radiações eletromagnética.


Todos os seres vivos se revestem de uma aura (“halo energético”) peculiar a cada indivíduo.


Através de sinergias funcionais das células, são constituídos ‘tecidos de força” em torno dos corpos.


Aura humana é enriquecida e modificada pelos fatores do pensamento contínuo que modelam o corpo vital ou duplo etéreo.


Duplo etéreo ou corpo vital: duplicata mais ou menos radiante da criatura.


A fotosfera psíquica atende à cromática variada, segundo a onda mental que emitimos.


Aura humana: conjugação de forças físico-químicas e mentais.



Aura [do latim aura] - Emanação fluídica do corpo humano e dos demais corpos.


A aura é uma radiação que cobre todo o corpo físico, através dele são evidenciadas as emanações da parte física, mental e emocional.


É o espelho que mostra toda nossa situação espiritual.


Quando uma pessoa está tomada de raiva, seu aura mostra emanações curtas e avermelhadas. Quando nos tomamos pelo ciúme ele adquire uma coloração roxa. Quando nossos sentimentos são puros, desprovidos de qualquer paixão carnal, ele toma uma coloração azul e se torna amplo com grande faixa de irradiação.


Ele é dividido em três zonas distintas.:


1)Aura Magnético (emanações do magnetismo das células do corpo físico);


2)Radiação das Emoções do Perispírito ou Corpo Emocional;


3)Radiações do Corpo Mental.


Hoje, com o desenvolvimento das máquinas Kirlian de fotografia do aura, foi conseguida uma prova material aos ainda céticos.






http://www.terraespiritual.org/espiritismo/vocabulario.html




A aura é, portanto, a nossa plataforma onipresente em toda comunicação com as rotas alheias, antecâmara do Espírito, em todas as nossas atividades de intercâmbio com a vida que nos rodeia, através da qual ...


somos vistos e examinados pelas Inteligências Superiores,


sentidos e reconhecidos pelos nossos afins,


e temidos e hostilizados ou amados e auxiliados pelos irmãos que caminham em posição inferior à nossa.


Isso porque exteriorizamos, de maneira invariável, o reflexo de nós mesmos, nos contatos de pensamento a pensamento, sem necessidade das palavras para as simpatias_ou_repulsões fundamentais.


É por essa couraça vibratória, espécie de carapaça fluídica, em que cada consciência constrói o seu ninho ideal, que começaram todos os serviços da mediunidade na Terra, considerando-se a mediunidade como atributo do homem encarnado para corresponder-se com os homens liberados do corpo físico...






[56 - página 128] - André Luiz - Uberaba-MG, 26/3/58






Para a percepção, registro e análise do campo magnético da aura, diversos métodos têm sido aplicados:


Método Químico (ex.:Efluviografia);


Método Eletrônico (ex.:Kirliangrafia);


Método Anímico-Mediúnico (ex.:vidência - incorporação mediúnica - Psicometria )


e Método de técnicas associadas.


Semyon Davidovich Kirlian e Haroldo Saxton Burr - professor emérito de Anatomia, da Escola de Medicina da Universidade de Yale -, descobriram que doenças como o câncer provocam significativas alterações nos campos eletromagnéticos dos organismos vivos.


[1 - páginas 190 / 220] [1 - página 29]





A aura humana mostra dinamicamente, a cada instante, diferentes variações cromáticas, refletindo os diversos estados psicofísicos do homem (sua posição intelectual, suas emoções, sua saúde física, seus temores e angústias, suas alegrias e inclinações amorosas, enfim, sua inteira realidade evolutiva)






[1 - página 217]




Através da aura, todo Espírito, torna-se transparente, em matéria de identidade, aos Espíritos que lhe são superiores, que sabem da intimidade das menos adiantadas.






[1 - página 218]





Nosso corpo espiritual, em qualquer parte, refletirá luz ou a treva, o céu ou o inferno que trazemos em nós mesmos.






Emmanuel (Roteiro) [55 - página 22]




Cada criatura com os sentimentos que lhe caracterizam a vida íntima emite raios específicos e vive na onda espiritual com que se identifica.






Emmanuel - (Nos Domínios da Mediunidade) [28a - página 11 ]






Os cientistas concluíram que a bioluminescência visível nas fotografias de Kirlian "é causada pelo bioplasma e não pelo estado elétrico do organismo." O que leva a conjeturar que se a aura registrável por meio da Kirliangrafia pode ser semelhante ao chamado efeito corona (campo eletromagnético apresentado por todo corpo que contenha energia - visível, às vezes, e até fotografável - e entendido como produto de radiações puramente físicas) esse efeito não seria, todavia, produzido só pela energia do corpo biológico em si, mas, principalmente - como evidenciam as experiências com estruturas vivas, tiradas algumas de suas partes -, pelo dinamismo ínsito aduplo_etérico, também de natureza física, sustentado, naturalmente, pelas forças fundamentais do perispírito (ou da protoestrutura psicossômica, nos reinos infra-hominais), o que representa, em si, sem dúvida, tema fascinante e desafiador, decisivo que é para o conhecimento dos princípios essenciais que regem a Vida.


[1 - página 180]





Haveis de convir conosco que existem fenômenos físicos, transcendentes em demasia, para que possamos examiná-los devidamente, na pauta exígua dos vossos conhecimentos atuais.


Todavia, em se tratando de vibrações emitidas pelo Espírito encarnado, somos compelidos a reconhecer que essas vibrações ficam perenemente gravadas na memória de cada um; e a memória é uma chapa fotográfica, onde as imagens jamais se confundem. Bastará a manifestação da lembrança, para serem levadas a efeito todas as ponderações, mais tarde, no capitulo das expressões do mal e do bem.



[41a - página 81] - Emmanuel - 1940


Aura humana











LINKs:


http://www.espiritualismo.hostmach.com.br/aura1.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisar este blog

Seguidores