Olá

Bem vindo ao Coisas da Alma!

Despretensiosamente levando um pouco de espiritualidade ao mundo!

Conheça o http://aalmadascoisas-annapon.blogspot.com/, blog parceiro do Coisas da Alma.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Espiritismo e Umbanda

Curitiba, 27 de julho de 2010



Breve reflexão sobre Espiritismo e Umbanda



A obra Espírita codificada por Kardec é um conjunto de comunicações transmitidas pelos Espíritos a vários médiuns espalhados pelo mundo ao mesmo tempo.

Nisso reside o pilar do Espiritismo, a concordância das mensagens recebidas por médiuns absolutamente desconhecidos uns dos outros.
Pode-se observar ai, a quebra do individual pelo coletivo e nessa idéia, nessa maneira de proceder dos Espíritos, há sabedoria.

As revelações não são privilégios, portanto, de um só homem, mas sim de vários homens e de vários Espíritos que as transmitiram, pertencendo a todos e ao mesmo tempo, a ninguém cedendo o direito de detê-las, nem para si, nem como verdades absolutas que dispensem revisões e complementos.

A obra Espírita é para todos e a grande prova disso é que recebeu colaboração de médiuns de países diversos imersos em culturas e religiões diferentes.

No caso da Umbanda, que não foi codificada, não é muito diferente a essência da mensagem, uma vez que agrega não apenas Espíritos de etnias diversas, mas também de cultura, religiões, rituais diversos.

Cada Espírito que se manifesta através dos médiuns de Umbanda traz consigo uma parte da Grande Verdade, que é Universal e que se une, forçosamente, a outras para ser coerente e sólida.

Assim como os Espíritos que trouxeram a codificação para Kardec, os que militam na Umbanda também trazem cada um a sua maneira, o reforço, o endosso da palavra evangélica dos textos e obras kardequianas e, se são tão diversos na forma, são muito parecidos, ou iguais, em sua essência.

A Umbanda prega a fé, o amor e a caridade, sendo, essa última, seu alicerce, ora, Kardec afirma: “Fora da Caridade não há salvação”, portanto, a missão da Umbanda em nada difere dessa orientação.

Se a obra Espírita trouxe luz e compreensão sobre a origem do ser humano, para que está na Terra e para onde vai após a morte, através dos livros e dos estudos, onde se aprende as Leis de causa e efeito, ação e reação, reencarnação, a Umbanda, em contra partida, traz à Terra a mesma mensagem de outra maneira. É através da palavra, do contato com as pessoas que os Espíritos trabalhadores de Umbanda o fazem por intermédio dos médiuns; mesma mensagem transmitida de forma diferente e para um grupo de pessoas que assimilam esses ensinamentos pelo contato pessoal e não através de livros.

A parte ritualista da Umbanda e de outras religiões é uma forma de o ser poder, com mais facilidade, conectar-se com o Sagrado que existe em cada um.

Quem pode afirmar, categoricamente, que os Espíritos responsáveis pela codificação Espírita, não são os mesmos que levam, com amor, carinho e atenção, ensinamentos, palavras de encorajamento e de fé aos filhos de Deus que comparecem nos terreiros em busca de auxilio?

Quem pode dizer que a orientação dos Espíritos, ali engajados, é diferente de todo o conteúdo Espírita escrito e codificado?

O preconceito e a falta de informação denigrem a real intenção e o objetivo da Umbanda que é iluminar consciências, muitas vezes através de parábolas, como por exemplo, seus cânticos e contos, maneiras simples, mas efetivas de se chegar aos corações que ali buscam amparo e auxilio.

Que a Luz da razão a todos ilumine e que o amor seja o alicerce firme onde resida a vossa fé.


Texto: Anna em parceira com Shàa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisar este blog

Seguidores