Olá

Bem vindo ao Coisas da Alma!

Despretensiosamente levando um pouco de espiritualidade ao mundo!

Conheça o http://aalmadascoisas-annapon.blogspot.com/, blog parceiro do Coisas da Alma.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Encontre o Caminho


Encontre o Caminho


Basicamente, o ser humano tem, ao renascer na Terra, duas opções, dois caminhos a seguir em sua existência, são eles o bem e o mal. Tanto o bem, quanto o mal, têm seus atalhos e pontos neutros, significa dizer que, às vezes, o ser humano não escolhe apenas se imobiliza num desses pontos neutros que nada acrescentam à sua evolução.
Os atalhos que os dois caminhos oferecem são as ilusões. Ninguém pode fazer mal a outro alguém justificando fazê-lo pelo seu bem; e ninguém pode fazer bem a outro alguém se esse bem mascarar uma segunda intenção ou tolher do outro a oportunidade de buscar, por si só, as soluções para os seus problemas. Esses atalhos são perigosos e iludem com facilidade. Muitas vezes, os seres humanos preferem viver iludidos para não terem de se encontrarem, face a face, consigo mesmos, com sua real situação diante da vida.
A preferência pelos atalhos é arriscada, causa frustração, desespero, desânimo, tudo isso por conta de uma escolha cega e não raciocinada, medida e equilibrada.
As decisões que os seres humanos tomam, ao longo de suas vidas, lhes pertencerão para sempre, farão parte dos arquivos de suas histórias passadas, presentes e futuras, por essa razão é que toda e qualquer decisão necessita cautela, raciocínio. O egoísmo é uma das pedras no caminho da evolução humana, ele impulsiona a pessoa a decidir pelo “melhor” para si, sem atinar no mal que tal decisão pode causar e a quantos outros pode afetar de maneira negativa, é o atalho que ilude, que se mascara de bem sendo mal.
Fique bem claro, porém, que não ceder a caprichos dos outros, com vistas ao seu bem, não significa tomar um dos atalhos do mal, nem tampouco é uma situação na qual se esteja fazendo mal a alguém, mas sim esse é um dos atalhos do bem que pode ser interpretado, por aquele que lhe sofre a aplicação, equivocadamente, por mal.
Na verdade, o ser humano encarnado na Terra, trafega, a todo o instante pelos caminhos do bem e do mal, uma vez que aqui se encontra em fase de aprendizado, porém, o que determinará que ele viva relativamente em paz e prosperidade intima, é por qual caminho costuma com mais frequência trafegar.
O mal não apenas se faz, se pensa, e ao pensar mal, a pessoa se impregna dele, contagiando-se pela sua ação nociva e lançando, ao Universo, mais um mal pensamento que poderá vir a se unir a outros, formando assim uma força contrária ao bem.
Encontre o caminho. Não se iluda caindo nas armadilhas dos atalhos. Viva bem com os recursos que te foram confiados. Trace o seu roteiro, escolha a estrada, porém, seja responsável, pois só você responderá pelo bem, ou pelo mal que fizer, sentir ou pensar.
Decida, porém faça-o de forma consciente, pese, na balança da justiça, o resultado de suas decisões hoje, para que o futuro te seja, ou não, favorável.

Muita Luz,

Shàa e Anna em 24.08.2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisar este blog

Seguidores